segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Inspiração.

Converter-te em luz é a minha prioridade, em mar liquido de emoções, em centelhas de magnitude intemporal...serás minha doce Ser, que me atormenta mais que o espírito o corpo.
Luz do meus olhos e sol da minha noite, ambiguidade esta minha de te desejar e não te querer. Mas...creio em mim, que será sempre a ti que recorro quando quero sentir-me feliz e puro. A natura que emanas, a tez da pele, o silvo da tua voz tudo isso me inebria e despoja de reacções contrárias.Meus passos são teus, meus caminhos são para nós...e tu és verso que pronuncio enquanto te embalo o sono.

(profundamente inspirado no livro que me ofereceste)

7 comentários:

Carla disse...

...e eu creio que este foi um regresso em cheio, com esta doce inspiração.

Benvindo de novo!

Beijinho

desejo disse...

Belo, esta manifestação de sentidos e inspirado no livro que ela...

:)

Prelúdios Fugazes disse...

Carla...

nada me inspira mais que um livro...

obrigado


beijos

Prelúdios Fugazes disse...

Desejo que ela teve o bom gosto de escolher...


beijos

@tt disse...

... e real?!




Beijo.te

Lalisca disse...

Quase que ne atrevo a dizer-te vampiricamente belo...


beijos

tulipapreta disse...

São poucos os que conseguem ver a essência para além da matéria e inebriar-se em sensações extra corpóreas. Estados de alma sintonizam-se de forma sublime……… algo que ultrapassa a objectividade.
Muito bom de viver.......
Bom regresso.
Beijo doce.